domingo, 2 de dezembro de 2007

... apenas para completar a introdução

Sim, de festas pagãs, em que se comemorava o solestício de Inverno, com grandes fogueiras e árvores incendiadas - de onde vem a nossa árvore com luzes, e todas essas lindas ruas iluminadas...
Depois foi o nascimento do menino Jesus, que se acredita ter sido na mesma altura, há mais de 2000 anos atrás. Acontecimento esse, que faz mais sucesso nas telas de cinema do que tem simbolísmo nas nossas vidas.
Hoje, o Pai Natal, esse Homem de vermelho que nos leva para o "shopping center", para enchermos a sala de presentes, e enganarmos as crianças com a história da chaminé.
Não há crença religiosa, que resista a esse corropio entre lojas e cartões de crédito. Deixou de ser um dia apenas para cristãos, e entrou na casa de todos, ou quase todos... Há ainda aqueles que desconhecem este nosso dia 25, e teimam em sobreviver à falta de uma sopa e/ou de um carinho...
Não gostaria de criar aqui um debate entre religiões mas, chamar todas as opiniões sobre a seginte pergunta - O que poderemos fazer pelo Natal de amanhã?

23 comentários:

Santos disse...

Tenho pensado muitas vezes no verdadeiro sentido do Natal... infelizmente a maioria das pessoas e principalmente das crianças perderam a noção do que realmente importa: celebrar o nascimento do Menino Jesus.
Pelo Natal de amanhã, devemos estar cada vez mais conscientes do verdadeiro sentido deste tempo tão especial e brindar a vida com as pessoas que mais amamos.

Sandra disse...

Eu não celebro comprando presentes e mais presentes caros, que vai alegrar mais o bolso do vendedor que o meu. Então para mim, esse dia é como os outros. A gente não demonstra sentimento dando presentes, mas demonstrando carinho e amor durante o ano todo. Não é esse o espírito natalino?
Mas, nesse dia todos nos sentimos felizes porque se aproxima a virada do ano. Um novo começo. E eu sei que algumas coisas que faço, que não vou citar aqui dá alento a algumas crianças que ajudo durante o ano. Mais importante que ganhar um grande presente no Natal é ter o que comer, vestir e livros para estudar durante o ano todo. Pelo Natal de amanhã que para mim tem 365 dias, peço a Deus que continue me dando forças para caminhar e seguir fazendo o que tenho feitos há alguns anos.

Marisa disse...

Pelo Natal de Amanhã, podemos fazer tudo para ter connosco as pessoas de quem mais gostamos, aquelas que estão longe e gostaríamos de ter perto...
Por todos os dias até ao Natal de amanhã, podemos olhar um pouquinho mais para os outros.. às vezes é tão fácil fazer alguém feliz!!

Maria disse...

Natal, dia de confraternização das pessoas, dia de reencontro daqueles indivíduos que a tempo não víamos. Esqueçamos as trocas de presentes, a beleza das ruas iluminadas, o que comeremos neste dia, não importando as diferenças sociais, religiosas, culturais: somos todos filhos de um mesmo Deus, e por conseqüência irmãos. Falaremos de um irmão querido: Jesus.

Arllene disse...

Natal, data em que comemoramos o nascimento de Jesus Cristo e o renascimento de nosso amor pelo proximo.
Como e lindo esse dia, as cidades ficam mais iluminadas, es casas enfeitadas, as pessoas mais alegres, parece que ate o Sol tem mai brilho, adoro esse dia 25 como tambem amo os demais dias.
Certamente voce nao ficara sozinho esse dia, de alguma forma estaremos ao seu lado.

mariana disse...

Este espaço de discussão vem bem a propósito dum convite que tive esta manhã na saida da missa, na Sé de Aveiro! Um amigo ofereceu-me a oportunidade de participar na campanha de Natal Aos sem abrigo!...
...7 noites por semana iremos visitar e facultar comida e palavras de coragem e conforto às pessoas subvivem nesta sociedade cheia de pressa...acredito desde já que irei aprender imenso com esta experiencia...talvez até, vá receber mais ou que o que puderei dar!! Pois só é nosso o que se dá, sem esperar em troca... o tempo dum sorriso!
Ainda bem que te lembraste de abrir este blogue...vou poder escrever sobre as novas experiencias deste Natal 2007 em Aveiro!
Fica o convite para quem quiser participar...
Beijão mano...;)

Lívinha Brasil disse...

Durante toda a minha infância eu esperei Papai Noel.... E na escola o que ficava mais forte não era o sentindo do natal, mas os presentes as comidas... as vezes eu pensava, será que isso e real? ..Brinquedos que nunca tinha visto, mas que a mídia todo ano insistia em dizer que seu filho irá gostar...Mais e claro que uma criança iria gostar...
Até que um certo ano ganhei o tal presente caro..... fiquei feliz? Não ...porque o que eu mais queria em toda a minha infância era passar o natal ao lado da minha mãe, eu queria atenção, carinho, amor, abraço daqueles que ficamos meia horas.... ( infelizmente ela trabalhava em outro país)
Hoje a mídia continua mostrando o significado distorcido do natal.... ( comércio desenfreado, ganância humana e a ignorância).
NATAL no significado cristão seria nascimento de Jesus. ( felicidade, alegria, amor,)
E pra mim.... seria ano todo, até porque estou sempre de braços abertos esperando por aquele amigo ou amiga que tanto gosto pra dizer o quanto ele (a) e importante na minha vida.

Neli disse...

Não porque gosto de escrever mas porque o assunto merece um comentário.
Aos meus olhos e ao meu coração o Natal é uma data mágica, a mais bonita do ano. Linda aos olhos porque as luzes, as cores, as músicas vêm embelezar as vidraças, as ruas, as praças e, como amante da Educação Infantil tenho o prazer em usar e abusar dos símbolos que nos remetem a esta data.
Mágica porque o momento é de reflexão, de perdão, de renascimento interior; é tempo de querer que o menino Jesus renasça nos corações, é tempo também de solidariedade de união e de confraternização entre as famílias. Tive a experiência de passar um Natal longe dos familiares, confesso ter sido um Natal sem emoção. Natal requer abraços de quem se ama.
Vejo o Papai Noel como uma figura muito importante para as crianças, pois na concepção delas é o bom velhinho que traz os presentes.
Olhe, Papai Noel, também sou tua fã, te peço que neste Natal coloque em teu saco mais presentes, presentes estes indispensáveis a todo ser humano os quais dispensam dinheiro:Saúde, Paz, moradia, escola, esperança, liberdade, justiça, igualdade ....
O Natal de amanhã?? Pelo andar da carruagem infelizmente acredito que o espírito natalino não terá vez nas prateleiras dos shoppings. Vai depender dos alicerces da sociedade - a família/escola trabalhar incansavelmente com as nossas crianças o real significado de cada data.
Bjo enorme Ricardo e apesar de vc passar mais um Natal longe de quem vc ama, não fique triste, permita que Jesus renasça em teu coração que aliás é um coração maravilhoso, um coraçao de ouro. Aprendi a gostar de vc muito, muito, vc sabe disse. Vou pedir ao Papai Noel que durante a noite de Natal chegue devagarinho e coloque em teu sapatinho um montão de coisas boas pra ti. Te adoro!!!

dilma disse...

Natal de Amanhã!
Acho que devemos nós tomarmos uma nova postura uma nova atitude.
E com isso poderemos ser pequenos grãos de semente lançados ao caminho do bem com o propósito de mudar a mentalidade das pessoas.
Para que elas dêem ao invés de presentes, deêm Amor.
Pois, está faltando Amor nessa humanidade.
Palavras de carinho, afeto, compreensão, não só para com os nossos mais também com os nossos irmãos em geral que cruzar o nosso caminho.

SOLANGE disse...

Natal...lembro dos meus de menina que quase não conseguia dormir esperando o papai noel passar.O jantar de Natal com mesa farta e toda família reunida...Enfim o tempo passa e as pessoas infelizmente esqueceram mesmo o verdadeiro significado do dia 25..Nascimento de Jesus, vida,esperança,amor entre os homens
Hoje tudo em volta do Natal é somente comercio e mais comercio...Quem compra o brinquedo +caro e mais bonito...em quanto milhares de crianças não sabem o gosto de um bom bife...é muito triste...ver que muitos e muitos tem demais enquanto milhares tem de menos...Na minha casa..ensino meus filhos o significado de dar e saber dividir...graças a Deus"..e eles mesmo sendo pequenos já sabem que quando vamos dar é para alguem que precisa e não tem....Temos o hábito de juntar amigos e comprar brinquedos aqui em SP...e depois saimos distribuindo em comunidades além de carentes, que muitas vezes não teriam se quer as palavras de feliz natal...enfim...nada mais lindo e gratificante que ver no sorriso de uma criança e num olhar encantado..o obrigado por não esquecer de mim...velhos que precisam de carinho e uma palavra de amor...nada material mas sim espiritual...a palavra....enfim...Natal é amor entre os homens....esperança por um mundo melhor sem guerras,fome,injustiça..etc...
Natal é reunir as pessoas que amamos juntamente com a nossa família.

Anónimo disse...

Não sou religioso, nem dado a comemorações bobocas do calendário. Não gosto da falsidade de muitas confraternizações de final de ano . Mas gosto do natal.Eu acho legal ter essa data para dar carinho para as poucas pessoas que importam na minha vida (não sei como é a vida de vocês, mas comigo a turma realmente importante é bem pequena).Claro que há o ano todo para que elas ganhem carinho, presentes etc, mas o natal faz com que obrigatoriamente interrompamos a rotina, paremos de verdade, e então exclusivamente tenhamos tempo para isso.Eu acho muito bom. Não vou fazer aqui aquele discurso de quem sempre odiou o natal, porque graças a Deus tenho uma família maravilhosa, de modo que meus natais puderam ser ótimos, e serão muito bem lembrados. Sei que é mais ‘chique’ dizer que não se gosta do natal, mandar o Papai Noel tomar no cu etc. Peço desculpas a todos por não ter esse tipo de comportamento. No que depender de ser ‘mudérno’, não contem comigo. Enfim… A infância passou (acho que foi no ano passado que deixei de ser criança, ou isso ainda não aconteceu…), e agora o natal tem obviamente um outro significado. Mas continuam valendo aqueles mesmos princípios, aquele mesmo raciocínio.Ao longo da vida, e isso é curioso, aprendemos que receber presentes não é a coisa mais gostosa do mundo. A melhor coisa, mesmo, é presentear. Nem se compara! Dar um presente, ver os olhinhos brilhando de quem recebe, isso é mil vezes melhor do que ganhar qualquer outra coisa. Não sou contra o comércio no natal. Ao contrário, é graças ao comércio que o natal tem boa parte de sua alegria. Ou vamos ser todos aqui idiotas e dizer que não é bacana a troca de presentes? Isso se dá por meio do comércio, não é mesmo? Você é contra ‘a data comercial’? Então receba, em vez dos presentes, apenas votos espirituais. Aí eu quero ver… Pois é, né? Vamos deixar de lado o socialisminho mequetrefe pelo menos no natal. Dizem que no dia 25 de dezembro se comemorava alguma festa pagã, e a Igreja fez com que se comemorasse o nascimento de Cristo, para que assim tal festividade fosse suplantada. Deu certo, mas não deu tão certo assim. Hoje, o que prepondera são valores pouco ligados àqueles estritamente religiosos, principalmente os valores considerados cristãos. Ninguém mandou roubar a festa alheia… O mundo materialista trata de apropriar-se de qualquer coisa.
E isso, repito, é bom.
Não aquele imediatismo que transforma a vida numa imbecilidade, mas sim a o prazer de presentear a receber presentes, que é obviamente possibilitado por mecanismos comerciais. A menos que alguém roube.
Deixando essa lenga-lenga de lado, apenas desejo feliz natal a todos vocês.

Ana Paula Cardoso disse...

Querido, bem-vindo ao mundo dos blogueiros. Bom o tema. A onda consumista que por vezes toma o período pré-natalino está longe da essência da data. No meu entendimento, Natal é tempo de solidariedade e de confraternização. E de reflexão sobre a Paz pregada por Jesus Cristo.

Valquíria disse...

Ho, ho, ho! Chegou o Natal! A véspera natalina, 24 de dezembro, é um dos dias mais festejados do ano. Além do significado religioso, a data preserva características que fazem com que a maioria de nós espere ansiosamente pelo dia: as crianças aguardam a chegada de Papai Noel, acontece a troca de presentes, todos se fartam da ceia maravilhosa, quase sempre preparada pela avó, e parentes colocam em dia as fofocas familiares. Em meio a tantas coisas boas, acabamos nos esquecendo o real sentido da comemoração.

O Natal é um feriado religioso que simboliza o nascimento de Jesus Cristo. Nem toda religião crê na existência de Jesus, mas em um país de maioria cristã - como é o caso do Brasil –, há uma verdadeira comoção em torno da data. São árvores repletas de bolinhas enfeitando as casas, luzinhas piscando pelas ruas, lojas abarrotadas de clientes, e o cheirinho indefectível de peru invadindo a cozinha. Difícil não curtir esta época do ano.Um grande beijo.

Vilma disse...

No tempo de Natal, todos nós acabamos nos recordando, de maneira muito poética, que Jesus nasceu numa gruta em Belém e que Maria colocou-O numa manjedoura. É tudo poético! Nós até cantamos lindos versos com suaves melodias que exaltam esse dia.
Nós precisamos assumir de coração juntamente com nossos familiares e aqueles que nos são mais próximos também, que o Natal é festa preciosa e que devemos festejá-lo com tudo que temos direito, comemorando todas as vitorias, está é a melhor maneira de vivermos este Natal.

Por isso eu só tenho a dizer: um santo e feliz Natal para você e um abençoado 2008!

papai noel disse...

E quanta balela, quanto lero lero.
Vamos gastar todo limite dos cartoes de credito. Vamos deixar de ser mediocres. Essa de passar natal sozinho é por que? nao tem amigos? a familia esta longe? que tal uma economia durante o ano? porque com absoluta certeza, voce não fez caridade com o seu "suado" dinheirinho. Se faz de coitado??? Ou vai ficar longe dos seus porque vai dar sopa aos pobres no natal? porque ... porque... porque???

Porque quem diz que nao gasta no natal mente. vamos deixar de demagogia. Alias bem pobrezinha a decoracao da Oxford Street... poe uma foto mais imponente tipo da Harrods.

See u!!!!!

canhoto disse...

Gosto do Natal por tudo o que o envolve. A parte positiva é a chamada de atenção para a partilha, o amor para com as outras pessoas menos afortunadas.Este planeta anda sempre em conflito, mas nestes dias, 24 e 25 quase que há PAZ na Terra.

diovic disse...

Como não sou eu que vou virar o Mundo, vou fazer como os demais, celebrar o Natal, festejando, dando prendas, não muito caras, tratando do meu ego e dos que me rodeiam. Se os que me envolvem estão felizes eu também estou. Se precisam de ajuda eu ajudo, quando digo ai ai também me socorrem. BOAS FESTAS para toda a Terra, PAZ e AMOR para todos os seres humanos, o ano novo seja de esperança para os + desfavorecidos.

lídia disse...

Natal, 25 de Dezembro. Quem se lembra o que significa? Poucos. Apenas aqueles que sabem que é a data mais significativa para as nossas vidas. O dia em que se comemora o nascimento daquele que morreu na cruz para nos dar vida eterna. Todo aquele que crer e for batizado terá vida eterna. Esse é o sentido do Natal a comemoração do NASCIMENTO do DEUS HOMEM , que teve amor suficiente para resgatar o pecador e salvá-lo do perecimento. O sentido do natal em sua essência seria ADORAÇÃO E LOUVOR AO CRIADOR. Somente quem realmente conhece a JESUS é capaz de entender o verdadeiro significado do Natal. O homem na sua prepotência e arrogância desvirtuou o sentido do Natal para a troca de presentes entre familiares, ensejando o consumismo. Na verdade o aniversariante é o Senhor Jesus, e ele deseja um presente apenas, que amemos a ele e a nosso próximo como a nós mesmos. Esse o verdadeiro sentido do Natal. A lembrança do nascimento do Redentor, o nosso intercessor com Deus. Dia de festa e alegria onde a família deve se reunir em lembrança, agradecimento e adoração a Jesus, pelo milagre de seu nascimento e por conseguinte a nossa salvação. Pense nisto. E Agradeça a Deus pelo dom da vida, e por ter enviado seu filho para a sua redenção e salvação. Curta o nascimento do Salvador mesmo longe de tua família e o agradeça pelo dom da vida. Bjs e feliz Natal. Estarei pensando também em você mesmo de longe.

samai disse...

O Natal é uma festa muito interessante. Adoro a festa de Natal, e ele não tem sentido se você estiver longe das pessoas que você ama. Amei

Diana Moreira disse...

Num tempo em que o Natal virou "imagem" e todos querem ser um pouco mais da "imagem" de uma montra do que imagem de valores e princípios cultivados por esta época natalícia, cabe a cada um de nós renunciar aos "prazeres da sociedade de massas" e avançar na busca incessante de algo melhor pelo próximo. Um pequeno gesto que muda o mundo! Não sejamos apenas mais um na "corrente" do individualismo, mais um a virar as costas só porque julgamos ser apenas "mais um no Mundo"... Se todos fizermos um pouco, por mais pequeno que seja o resultado, é sempre um resultado, é sempre uma conquista! Já dizia o ditado: "pouco mas bons"! É fácil falar, mas é difícil agir? Não!! São apenas pequenos gestos! Ter atitude é vermos um velhinho na rua e dizer bom dia, ver alguém necessitado de um pão e ceder o seu, ver alguém na rua e pelo menos poder dar-lhe um cobertor para que o cartão e o jornal não sejam os companheiros de uma noite fria! A sociedade é egoísta! A sociedade não abre portas! Procuramos justiça e igualdade quando o "mal" nos toca! Muitas das vezes as pessoas pensam que tudo acontece aos outros! Mas NAO! Um dia posso ser eu!! Nesta época natalícia parece que se aviva a ideia de fraternidade! O Natal é todos os dias! Não cedamos ao consumismo e à arbitrariedade de sequência de dias, pelo menos festivos, onde um pequeno gesto de amor e compaixão é um nada no meio de um oceano! Cabe a todos mudar, cabe a todos tentar e ajudar... quer seja um mendigo, quer seja um amigo, um parente, ou nos mesmo! por um natal melhor, por uma consciencialização verdadeira, vivam um santo natal 2008 com tudo de bom.

Ricardo, para ti que és uma pessoa de bem, so peço para que o "Homem de Vermelho" te trafga tudo de bom, muito amor e carinho! felicidade é o que mais peço para ti!! um bom Natal! Gosto muito de ti **

loirinha disse...

Ri,que neste Natal o menino Jesus acalme seu coração por passar esta data longe de sua família e das pessoas que ama...Podes ter certeza de que jamais estarás sozinho e eu em potencial estarei mesmo que de muito longe pensando em ti.Meus votos de Feliz Natal e um 2008 maravilhoso e de muita saúde atravessará o oceano e chegará até o seu coração,mesmo que seja em pensamento.De graças pela dádiva de estar vivo e fazer assim o mundo cada dia melhor....Sinto imenso carinho por ti meu lindo e amado amigo.
"Se um dia estiveres tristes
nunca deixe de sorrir
pois voce tem um sorriso lindo
e com ele é capaz de me fazer feliz" te adoro meu menino lindo...

solange b. disse...

o natal recorda-me sempre uma arvore de natal enorme, a magia dos presentes, mesmo pequena tinha noçao de que o pai natal era o meu pai, e a sua alegria de nos ver a abrir os presentes... O destino é por vezes cruel, tal como me traz boas recordaçoes, recorda-me que tambem foi numa vespera de natal que vi pela ultima vez o meu pai com vida, apos isso o natal deixou de ter a magia de criança, passando a ser uma epoca de tormento, pelas recordaçoes que me traz, nao ligando ao enfeite da arvore de natal, deixando que fossem os meus filhos que o fizessem, desejosa de que aquela epoca passasse e voltasse tudo ao normal.
Actualmente com a minha familia dispersa pensei que nao teria de me preocupar com enfeites nem arvore, mas afinal enganei-me, o meu filho pediu-me que enfeitasse-mos uma pequena arvore, para nao se perder essa magia que a epoca traz, achamos que os jovens ja nao ligam a isso, ele tem 14 anos, mas enganei-me, afinal nao sao precisos presentes para manter esta magia....

Aline disse...

O Natal para mim tem um significado muito importante, é o momento onde podemos está reunidos com muita alegria, felicidade e amor pelo próximo. É neste momento em que podemos de fato sentir a energia contagiante do amor entre as pessoas com os seus semelhantes.
A troca de presentes, não é nada mais e nada menos do que uma simbologia do amor terno e fraterno que existe dentro de cada um de nós.
Todos os dias deverião ser Natal, pois é o único momento no planeta em que forma-se uma egrégora chamada AMOR.
Um amor puro....sem pretensão alguma...é semelhante curando semelhante...